Notícias - MedSênior

Doenças mais comuns na terceira idade: aprenda a se cuidar


A terceira idade já sabe que para continuar curtindo a vida, se cuidar é essencial. Com o passar do tempo, é normal a saúde seja deixada um pouco de lado. Por isso, é preciso ter atenção redobrada com as doenças mais comuns à pessoas acima de 60 anos. É nessas horas que a prevenção deve entrar em cena! Conheça dicas simples para se manter saudável e evitar a ocorrência de enfermidades.

Com o passar dos anos, as pessoas que estão na terceira idade passam a produzir menos vitaminas e proteínas, além de ter uma imunidade mais baixa. A junção dessas questões com itens como as dificuldades de locomoção, fala, etc, faz com que eles estejam suscetíveis às doenças mais comuns à geração e necessitem de cuidados. 

Ainda assim, a principal maneira de cumprir a prevenção de doenças na terceira idade está na mudança de hábitos. Levar a uma vida mais saudável, transformando o acompanhamento médico em uma rotina, colocando em prática a medicina preventiva, é um dos caminhos para melhorar a saúde.

As doenças mais comuns na terceira idade

Como mostra o Caderno de Atenção Básica do Ministério da Saúde, pessoas que estão na terceira idade costumam sofrer com o aparecimento de doenças crônicas, como a diabetes, mas também com enfermidades como a demência, obesidade, dificuldades de ouvir e enxergar e depressão. Conheça algumas delas:

Hipertensão

A Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) é uma doença crônica muito comum aos brasileiros. De acordo com o Ministério da Saúde, ela chega a acometer cerca de 50 a 70% das pessoas na terceira idade. O dado, além de ligar um alerta para a Geração+, também mostra que a enfermidade é um fator de risco para doenças cardiovasculares, renais e cerebrovasculares. Entretanto, se controlada, diminui esses e outros riscos.

O Ministério da Saúde faz questão de destacar que a doença não deve ser vista como uma consequência do envelhecimento. Para ser considerada dentro dos padrões, a pressão deve estar em 120x08, sendo essa em pessoas que não estão fazendo o uso de medicamentos. 

Diabetes

O diabetes é uma das doenças mais comuns à terceira idade, mesmo que possa atingir também os mais novos. Caracterizada pelo aumento da glicemia, nível de açúcar no sangue, ela pode ser associada também a problemas oftalmológicos, cardiovasculares e em alguns casos a amputação de membros.

Na terceira idade, além do tratamento medicamentoso, o paciente também deve passar por algumas mudanças de hábito para conviver com a doença. Com isso, uma dieta com baixa ingestão de açúcar e exercícios físicos se tornam opções para a prevenção de quadros mais graves do diabetes.

 O diabetes pode se manifestar em dois tipos diferentes:
  • Diabetes Tipo 1: também conhecida como diabetes juvenil, ela é responsável por 10% do total de casos.
  • Diabetes Tipo 2: a mais comum delas, é a responsável por 90% do total de casos, sendo recorrente em pessoas na terceira idade.
  • Diabetes Gestacional: mais rara, ela gera um quadro pré-diabético em mulheres gestantes. A doença, entretanto, pode ser diagnosticada por meio do pré-natal e tratada ao longo da gravidez.

Depressão

A depressão é um tema pouco abordado quando falando em terceira idade, mas, mesmo que com boa saúde mental, eles estão tão suscetíveis a apresentarem a doença quanto os mais novos. Muitos fatores podem levar a Geração+ ao quadro depressivo, entre eles: os anos após a aposentadoria, isolamento, dificuldade de comunicação ou problemas econômicos podem ser alguns deles.

Câncer

Entre as doenças mais comuns a Geração+ está ainda o câncer, principalmente os de pele e de próstata, que tem altos índices de ocorrência entre a faixa etária. Com fatores de risco como os genéticos, e os hábitos que prejudicam a saúde, tal qual o fumo e o excesso de exposição ao sol, pode ocorrer a presença de tumores na terceira idade. Para que haja uma prevenção de doenças do tipo, é preciso que os exames estejam em dia e hábitos saudáveis sejam iniciados ou mantidos. 

Prevenção de doenças na terceira idade


As consultas médicas e os exames clínicos de rotina são os primeiros passos para a prevenção de doenças. Contudo, manter uma vida ativa e saudável também pode ser a chave para evitar as doenças mais comuns. Após a passagem pelo médico que acompanha o paciente, deve-se dar início aos hábitos que ajudam na terceira idade:
 
  • Faça uma alimentação saudável, com dieta rica em frutas, vegetais e fibras;
  • Evite o sedentarismo. Segundo o Ministério da Saúde, pessoas ativas diminuem em 40% os riscos de mortalidade por doenças cardiovasculares;
  • Pratique atividade física por pelo menos 30 minutos regularmente;
  • Opte por atividades de flexibilidade, equilíbrio e força muscular;

Geração + informada

+ O que é ser Geração +

+ 01 de outubro. Dia da Geração +

+ 29 de setembro: Dia Mundial do Coração

foto